COMPONENTES BIZARROS USADOS EM COSMÉTICOS | Clube do cabelo e cia

Mulher extraindo "corante" das cochonilhas

Oi pessoal!


A gente usa tanto cosmético, e nem sabe a procedência dos seus componentes não é mesmo?
Ao pesquisar sobre composições, achei alguns componentes de origens bem bizarras pro meu gosto, e o pior, de origem animais.

Então resolvi  listá-los aqui, pra vocês conhecerem um pouco mais sobre alguns componentes tão comuns encontrados na maioria dos cosméticos, e poderem a partir disso, fazer as suas próprias escolhas.

Sabe, o pior disso tudo, é ver que existem alternativas mais saudáveis e bem menos agressivas, mas quem disse que as empresas se preocupam com isso? Triste realidade!

E com certeza, cosméticos que tiverem algum desses eu não uso mais... por isso que cada vez mais, eu tenho vontade de fazer os meus próprios produtos... pelo menos assim, eu sei o que estou usando...


Vejam:


COMPONENTE

ORIGEM
PRODUTOS
ALTERNATIVAS



Ácido araquidônico
encontrado no fígado, no cérebro, nas glândulas e gorduras de animais e seres humanos. Geralmente, isolado a partir de fígado de animais.

Usado em cremes e loções para acalmar eczemas e erupções cutâneas
sintéticos, aloe vera, óleo de melaleuca,, pomada de calêndula.


Lanolina
Derivados:álcoois alifáticos, colesterol, isopropílico lanolato, Laneth, Lanogene, álcoois de lanolina, Lanosterols, esteróis, Triterpene álcoois

Um produto das glândulas sebáceas de ovelhas, extraído de sua lã.
Usado como um emoliente em muitos produtos de cuidados da pele e cosméticos e medicamentos. Um alérgeno.


óleos vegetais e legumes

Proprionate araquidílico
cera originada de gorduras animais
Cosméticos em geral

amendoim ou óleo vegetal


Algália

Secreção untuosa dolorosamente raspada de uma glândula muito perto dos órgãos genitais de civeta (mamífero africano).Usado como um fixador em perfumesóleo de labdanum (a partir de vários arbustos) e extratos de outras plantas com um aroma almiscarado.

Banha
Gordura do abdômen de porcos
Em cremes de barbear, sabonetes, cosméticos


Óleos vegetais


Farinha de osso

Ossos triturados de animais.
Em alguns fertilizantes. Em algumas vitaminas e suplementos, como fonte de cálcio. Em cremes dentais


composto vegetal, dolomita, argila


Carmine; Cochonilha;

Derivado:Ácido carmínico


Pigmento vermelho do inseto cochonilha fêmea esmagada. Alegadamente, 70.000 besouros devem ser mortos para produzir um quilo deste corante vermelho

Corante usado em cosméticos, shampoos, molhos, e outros alimentos (incluindo pirulitos vermelhos e corantes alimentares). Pode causar reação alérgica
suco de beterraba (usado em pós, rouges, shampoos, sem toxicidade conhecida), raiz alkanet (a partir da raiz desta erva-como árvore, usado como um corante vermelho para tintas, vinhos, hidratantes labiais, etc, nenhuma toxicidade conhecida , também pode ser combinado para fazer uma de cobre ou de coloração azul)




Cerebrosídios
ácidos gordos e açúcares encontrados no revestimento dos nervos. Pode ser sintético ou de origem animal. Quando de origem animal, podem incluir  tecido do cérebro




Usado em hidratantes




não tem


Quitosana
Uma fibra derivada a partir de conchas de crustáceos
Usado em produtos dietéticos, de cabelos, e de cuidados da pele, antitranspirantes e desodorantes, e produtos orais



framboesas, inhame, legumes, damascos secos, muitas outras frutas e legumes


Colágeno
Proteína fibrosa em vertebrados. Geralmente obtidos a partir de tecido animal.
Vários cosméticos.  Um alérgeno


proteína de soja, óleo de amêndoas, óleo de amla


Cistina
Um aminoácido encontrado na urina e crina de cavalo
Usado como um suplemento alimentar e, em emolientes

fontes vegetais


Elastina
proteína encontrada nos ligamentos do pescoço e aortas de vacas. Semelhante ao colageno

Vários cosméticos
sintéticos, proteínas a partir de tecidos de plantas.


Emu Oil
retirado de aves voadoras nativas da Austrália
Usado em cosméticos e cremes


vegetais e óleos vegetais


Gelatina. Gel.
proteína obtida por fervura de pele, tendões, ligamentos e / ou os ossos em água. De vacas e porcos
Utilizado em shampoos, máscaras e outros cosméticos. Utilizado como um espessante para gelatinas de frutas e sobremesas,  doces, marshmallows, bolos, sorvetes, iogurtes.
Carrageen (carragenina, musgo irlandês), algas (algina, ágar-ágar), a pectina a partir de frutos, dextrina, goma de semente de alfarroba, goma de algodão, gel de sílica, raiz da planta de marshmallow.



Glicerina. Glicerol

glicerídeos, Glyceryls, Glycreth-26, Poliglicerol
Um subproduto da fabricação de sabão (normalmente usa gordura animal)
No segmento de cosméticos, alimentos, enxaguatórios bucais, gomas de mascar, cremes dentais, sabonetes, pomadas, remédios, lubrificantes

glicerina vegetal (um subproduto do sabão de óleo vegetal), derivados de algas, petróleo.


Guanina
Pearl Essence
Obtido a partir de escamas de peixe. Constituinte de ácido ribonucleico e ácido desoxirribonucléico e encontrado em todos os tecidos animais e vegetais

Em shampoo, Esmalte, outros cosméticos
leguminosas, pérola sintética, ou alumínio e partículas de bronze.


Ácido Hialurônico
Quando de origem animal, uma proteína encontrada no cordão umbilical e os fluidos em torno das articulações

Usado em cosméticos e algumas aplicações médicas
ácido hialurónico sintética, óleos vegetais.


Queratina
Proteína dos chifres  cascos, penas, pelos de vários animais
Shampoos, soluções permanentes
óleo de amêndoas, proteína de soja, óleo de amla ( fruto de uma árvore indiana), Alecrim e urtiga dão corpo e resistência ao fio de cabelo.

Lanolina.

Lanolina Acids; álcoois alifáticos, colesterol, isopropílico lanolato, Laneth, Lanogene, álcoois de lanolina, Lanosterols, esteróis, Triterpene álcoois
Um produto das glândulas sebáceas de ovelhas, extraído de sua lã.
Usado como um emoliente em muitos produtos de cuidados da pele, cosméticos e medicamentos. Um alérgeno.

óleos vegetais e legumes



Musk (Oil)

(almíscar)
Castores selvagens são mantidos em cativeiro e em gaiolas em condições horríveis, e são chicoteados ao redor dos genitais para produzir o odor pela secreção excretada; 

Em perfumes e aromas alimentares
óleo de labdanum (a partir de vários arbustos) e extratos de outras plantas com um aroma almiscarado.


Ácido mirístico
miristato, Myristal éter sulfato, Myristyls, Oleyl Miristato
Ácido orgânico tipicamente derivados de óleos de nozes, mas, ocasionalmente, de origem animal

Utilizado em shampoos, cremes, cosméticos. Em aromas alimentares
manteigas, óleo de Lovage, óleo de coco, extrato de grãos de sementes de noz-moscada, etc


Placenta
Placenta Polipéptidos proteína

Contém a matéria de resíduos eliminados pelo feto. Derivada do útero de animais abatidos
Placenta animal é amplamente utilizada em cremes para a pele, shampoos, máscaras,




   algas


Pristane
Obtida a partir do óleo de fígado de tubarões, ou óleo do estômago de pássaros
Usado em cosméticos, e também como um lubrificante e um agente anti-corrosivo. 


óleos vegetais, sintéticos.


Espermacete. Palmitato de cetilo. Óleo de esperma.
originalmente derivado da cabeça do cachalote ou de golfinhos, mas agora na maioria das vezes derivado do petróleo.
Em muitas margarinas. 
Em cremes para a pele, pomadas, shampoos, velas, e na indústria do couro. 
Pode se tornar rançoso e causar irritações.


espermacete sintético, óleo de jojoba, e outros emolientes vegetais.


Esqualeno
Óleo de fígado de tubarão
em cosméticos, hidratantes, tinturas capilares, agentes superfície-ativos.


emolientes vegetais tais como óleo de oliva, óleo de gérmen de trigo, óleo de farelo de arroz, etc


Ácido esteárico

Derivados tallowate de sódio, ácido sebo, Amide sebo, Amine sebo, Talloweth-6, sebo Acilgliceróis Imidazoline sebo.

estearamida, estearamina, estearatos, esteárico hidrazida, Stearone, Stearoxytrimethylsilaneácido lactilico estearoil, betaína estearílico, Imidazolina estearílico.
Quando de origem animal, vem da gordura de vacas, porcos, ovelhas e dos cães e gatos sacrificados em abrigos de animais. 

Também pode ser de origem vegetal, a partir de manteiga de cacau e manteiga de karité.
Usado em cosméticos, sabões, lubrificantes, velas, Hairspray, condicionadores, desodorantes, cremes, gomas de mascar, aromatizantes de alimentos
ácido esteárico pode ser encontrada em muitas gorduras vegetais, como no coco, e ceresinas (cera de abelha)


Álcool estearílico. 

Esteróis
Derivados: estearamina óxido, Acetato Stearyl, Stearyl Caprilato, Stearyl citrato, Stearyldimethyl Amine, Stearyl Glycyrrhetinate, Stearyl heptanoato, Stearyl Octanoate, Estearato Stearyl.

Uma mistura de álcoois sólidos. Pode ser preparado a partir de óleo de cachalote
Em medicamentos, cremes, shampoos, lavagens, etc
fontes vegetais, ácido esteárico vegetal.

Oil Turtle. 
Oil Sea Turtle.
músculos e os órgãos genitais de tartarugas marinhas gigantes
Em sabonete, cremes para a pele, cremes de unhas, outros cosméticos.

emolientes vegetais


Uréia.
Carbamida.

*proibido para grávidas!
Tipicamente sintético. Ao ser extraído a partir de animais, ele é excretado pela urina e outros fluidos corporais.
Em desodorantes, cremes dentais, enxaguatórios bucais amoníaco, corantes de cabelo, cremes, loções, xampus, etc

sintéticos


Ambergris
Do intestino de baleias.
Usado como um fixador em fazer perfumes e como aromatizante em alimentos e bebidas

fixadores sintéticos ou vegetal.


...fora os componentes de produtos alimentícios, de vestuário, entre outros... vejam mais alguns exemplos:



COMPONENTE

ORIGEM
PRODUTOS
ALTERNATIVAS


Óssea Char
(osso queimado)






Cinzas de ossos de animais

Usado em porcelana. e muitas vezes para fazer açúcar branco. Serve como o carvão usado em filtros de aquário
fosfato de cálcio tribásico sintético

Sangue
A partir de qualquer animal abatido
Usado como adesivo em madeira, também encontrados em fabricação de queijos, espuma de borracha, alimentação intravenosa e medicamentos.
Possivelmente em alimentos como lecitina.

sintéticos, fontes vegetais

Catgut
Corda resistente do intestino de ovelhas, cavalos, etc
Usado para suturas cirúrgicas.Também para amarrar raquetes de tênis, instrumentos musicais, etc

fibras sintéticas, nylon e outros




Estrogênio
Estradiol
Hormonas femininas de urina das éguas grávidas
Considerada uma droga.Pode ter efeitos sistêmicos prejudiciais se usados por crianças.
Usado para problemas reprodutivos e de pílulas anticoncepcionais e Premarin, uma droga da menopausa.
Em cremes, perfumes e loções.Tem um efeito insignificante em cremes como um restaurador da pele

contraceptivos orais e drogas menopausa baseados em esteróides sintéticos ou fitoestrógenos (a partir de plantas, especialmente de óleo de amêndoa de palmiste). Os sintomas da menopausa, também podem ser tratados com uma dieta e ervas.
Isinglass
Uma forma de gelatina preparada a partir de membranas internas de bexigas de peixe
Às vezes é usado em vinhos "compensação" e nos alimentos
argila bentonítica, agar-agar (alga), mica (um mineral usado em cosméticos).

Lipase
Enzima do estômago e glândulas da língua de bezerros, e cordeiros

Usado em queijos
enzimas vegetais, mamona.

Óleo marinho
A partir de peixe ou de mamíferos marinhos (incluindo botos)
Usado para fazer sabão.
Utilizado em algumas margarinas,e como um lubrificante, e ainda em tintas

óleos vegetais

Ácido oléico
Derivados: Oleyl oleato, Estearato Oleyl.
Obtidos a partir de vários óleos e gorduras animais e vegetais. Normalmente obtidos comercialmente a partir de sebo intragável.

Nos alimentos, sabão macio, sabão em barra, soluções permanentes onda, cremes, esmaltes, batons, muitas outras preparações de pele.
óleo de coco

Pepsina
Nos estômagos das porcos
Um agente de coagulação. Em alguns queijos e vitaminas
agentes coagulantes microbianos, cultura de bactérias, o suco de limão, ou coalho vegetal.

Coalho;
Renina
Enzima do estômago de bezerros
Usado em fabricação de queijos, creme de coalho , e em muitos produtos lácteos coagulados
agentes coagulantes microbianos, cultura de bactérias, o suco de limão, ou coalho vegetal.

Ai, tá bom né.... sabe aquele ditado: quem procura acha?
 Pois é... como dizia minha vó: a ignorância às vezes pode ser uma bênção!






Postar um comentário

  1. Respostas
    1. Pois é Laisa, muito triste isso mesmo!
      bjs

      Excluir
  2. Que triste... fiquei até com nojo de certas coisas.

    ResponderExcluir
  3. Erika é importante ressaltar que MUITOS destes componentes TAMBÉM se encontram desta forma que foi descrita na parte da planilha "origem"...no entanto BEM POUCOS produtos hoje em dia obtêm desde tipo de procedimento, ao menos marcas sérias e internacionais a muito tempo apenas sintetizam estes tipos de proteína e uma parcela minuscula é de origem animal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana!
      Pois é, isso é o que me pergunto... empresas grandes que tem como investir nos sintéticos, td bem (apesar dos sintéticos tbm fazerem mal á saúde), mas e as empresas menores, que são a maioria? Sei não... não confio!
      Bjsss

      Excluir
    2. Não confio nem nas maiores, tampouco menores...É isso aí.

      Excluir
  4. Blergh! Que nojo!
    O único que eu sabia o que era e a procedência é o Musk e sempre evitei porque me dava nojo. Bem, pelo menos eu tentava não usar, eu sempre procurava saber se existia Musk na composição dos perfumes dos quais eu gostava e se tivesse não comprava.
    Eu sou contra produtos que tenham em suas composições ingredientes de origem animal que necessitem do sacrifício animal para ser obtido.
    A lanolina eu sabia que vinha da lã,mas para obter a lã não é preciso matar ovelhas é? na minha cabeça pelo menos raspar as lã delas nos meses quentes é até um favor, assim como tosamos os cães e cortamos o cabelo.
    Eu li uma vez que elas ficam com os pelos enchendo nos meses frios e são tosqueadas no verão. Isso é mentira?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Linda!
      Eu tbm penso nisso da ovelha... não creio que ela deva ser morta pra tirar a lã não... mas é uma dúvida que tenho qto ao sofrimento delas... tenho q pesquisar mais sobre isso...
      bjks

      Excluir
  5. Olá Erika, bom dia. Jesus,Maria,José,Erika-do-céu, quanto crime é cometido pela indústria cosmética e jogado no milionário mercado, não é mesmo?? As gigantes multis não perdoam. Essa tabela veio em boa hora, agora tendo em mãos esse conhecimento que vc passou vou me policiar e passar tbém para minha mãe, familiares e amigas, aqui em casa vamos optar pelas alternativas(quanto a isso eu posso garantir). Eu não imaginava, nem de longe, de onde vem o almíscar, aliás não imaginava a origem de todos os produtos. Depois que vc gravar o logotipo do blog no meio das tabelas, peço sua licença para imprimir e vou plastificar(direitos autorais devem ser respeitados). Outra coisa: não comprar carne e não frequentar churrascarias, os animais agradecem. Eu li certa vez a origem do baby beef. De fato sua avó tinha razão... Obrigada por compartilhar, mil vezes obrigada.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcinha!
      Claro amore! Se quiser me mande um email que eu te passo, ok?
      Nossa... baby beef é muita crueldade..não gosto nem de pensar!
      Bjks

      Excluir
    2. Tenho até medo de perguntar ... mas se eu não souber como vou evitar né?
      Vamos lá... o que é baby beef?
      Se possível responda de forma que eu não tenha pesadelos. rs

      Excluir
    3. Vc já ouviu falar em carne de Vitela? É a mesma coisa. São bezerrinhos que qdo nascem são afastados da mãe, confinados e cruelmente tratados, até completarem 3 mmeses e serem mortos, São considerados pratos caros, que as churrascarias tem orgulho em servir...
      veja esse link
      |http://www.vidavegetariana.com/site/especiais.php?page=especiais/vitela/index|

      Excluir
  6. Nessas horas dá vontade de jogar tudo fora e sair correndo da cidade. As vezes me pergunto se tudo isso é necessário e penso nas índias com aqueles cabelões lindos, lavados apenas nas águas dos rios - não falo só de cabelo, mas de toda uma cultura baseada em harmonia com a natureza, nada de química, nada de industrializados. Oh, daqui a pouco estou começando a filosofar hahahaha, mas é pqe tem um pouco a ver com o que eu estudo e acabo puxando tudo pra esse lado. Não tem muito tempo que eu comecei a pesquisar mais sobre cosméticos atrás de dicas que eu pudesse aplicar à mim, e depois que eu conheci esse blog nunca mais fui a mesma hahaha. Não é puxa saquismo não, mas me identifiquei sobre tudo com aqui (e com vc, Erika) justamente por conta dessa sua preocupação em buscar a origem das coisas, e buscar sempre produtos mais orgânicos, que não são testados em animais.. Isso tudo é algo que eu também estou incorporando a minha vida na medida do possível. Parece algo muito pequeno e talvez não provoque uma mudança tão grande, mas eu me preocupo em pelo menos mudar e melhorar os meus hábitos, eu me sinto melhor comigo mesma de acordo com as escolhas que eu faço, e isso inclui ler rótulos e desistir de levar um produto "só" pqe ele é testado em animais. Eu não gostaria que fizessem testes com os meus gatos, e não desejo isso pra nenhum outro animal. Voltando ao assunto do blog, por mais que eu rode por vários outros blogs, eu acabo aqui, porque é aqui que eu me identifico. As vezes me sinto uma chata te enchendo de perguntas, mas melhor perguntar a ficar sem saber né? Estou tentando levar algumas coisas pra minha família tbm, estou fazendo com que eles deem mais atenção aos rótulos e às escolhas que fazem, seja por alimentos ou cosméticos. Minha mãe já não compra mais cosméticos testados em animais e meus avós não compram mais nada que tenha aquele "T" dentro de um triângulo amarelo! As vezes é bem difícil fugir disso tudo, mas ainda é possível. As mudanças devem partir de cada um de nós, é mais simples do que parece.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazi,
      Fico muito feliz com essa identificação! <3
      E fico feliz tbm de estar podendo levar informações sobre qualidade de vida pra todos, pq a intenção do blog é essa mesmo!
      pode perguntar á vontade amore, eu adoro essa interação de vcs, e aprendo muito com vcs tbm! Isso aqui é uma troca! ;)
      E com certeza, se cada um fizer sua parte, as coisas tendem a melhorar, com certeza!
      bjão

      Excluir
  7. No caso da lanolina, a o animal precisa ser morto ou na hora da poda da lã que se extrai ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OiBruna, eu acho que não precisa ser morto não... tbm tenho essa dúvida, e vou pesquisar mais sobre isso.
      bjão

      Excluir
  8. ah , eu também sempre penso que a ignorância é uma benção Erika , cada vez que leio fico e aprendo mais , fico mais perplexa com as coisas , usa materia esta extraordinariamente informativa , adoro conteúdo assim parabens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Vivi, eu fico imaginando.... o que a gente ainda não sabe! Afff
      Valeu..bjão!

      Excluir
  9. Ignorância da nossa parte fazer de conta que nada acontece né?!
    Hunf... triste realidade! Adorei o post!

    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Cris, e o que a gente ainda não sabe, hein?
      Dá medo!
      bjss

      Excluir
  10. Por isso amo minhas receitinhas caseiras, azeite, gema de ovo, mel, abacate, sempre me dão resultados excelentes, e não preciso recorrer a esses produtos cheio de coisinha nojentas eca.rsrsrsrsr
    Beijos flor,Parabens pelo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amore!
      pois é, cada vez mais eu quero fazer meus cosméticos ;)
      bjks

      Excluir
  11. Confesso que achei o post um pouco "assustador". É como se eu olhasse para os lados e visse crueldade em todos os produtos que consumimos. Eu achava que a industrialização era uma coisa que pudesse nos beneficiar... E também não consegui ler até o final do post, não tive coragem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Aline,
      infelizmente é bem por aí mesmo... o ser humano é que é bizarro viu!!! A ganância das empresas está acima de tudo e de todos...e as pessoas vão consumindo sem saber...e detalhe: ainda pagam caro pra isso
      é muito triste, mas eu acho bom que as pessoas saibam o que elas estão comprando...
      bjks

      Excluir
  12. Oi Erika! Finalmente consegui passar o semestre! Aleluia, feliz demais e de férias, que alegria!

    Amiga, tô chocada! Não sabia de muitas coisas ai nessas listas!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uhuuuu!! Parabéns, Lu!!! Agora descanse um pouco e relaxe ! rsrsr
      Pois é... qta coisa, e gente nem imagina o que tem nas coisas que a gente usa né?
      triste a realidade!
      bjss

      Excluir
  13. To com vontade de estudar química(olha q não gostava de química na escola)A educação no Brasil precisa ser totalmente reformula.Se eu tivesse aprendido nas aulas de química, coisas que eu aprendo aqui com vc,com certeza teria me tornado uma Engenheira química(Me tornei ambientalista)...rsrsr ..Queria elaborar todos os produtos que eu quero.Só que tudo orgânico e 100% natural!É um custo achar um shampoo sem sulfato.Será que os fabricantes ainda não entenderam que algumas coisas estão mudando?
    Beijao...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna,
      sabe que depois que eu comecei a estudar as composições dos cosméticos e tal... já me deu vontade de fazer química tbm? rsrsrrs
      Pois é estmaos precisando de mais produtos orgânicos no mercado, mas já temos boas marcas. Eu estou usando os shampoos da sal da terra e estou amando...e o cheirinho de óleo essencial? hummmmm delícia viu!
      Já me inscrevi num curso de saboaria artesanal e tbm vou fazer um de sabão líquido, pra fazer os meus shampoos e sabonetes ;)
      chega de usar essas porcariadas todas!
      bjks

      Excluir
  14. Parei de ler na terceira. Nojento e desumano. Tantos alternativos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito!
      Tbm não consigo compreender o por que disto!

      Excluir
  15. Eu era mais feliz quando não sabia o que comia e usava como cosméticos, remédios.... Realmemte a indústria é quem dita as regras : (

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verd amore, ela quem dita as regras. Mas creio que temos a opção de querer segui-la ou não... é difícil sim, mas não é impossível... e mesmo que não consigamos eliminar 100%, se eliminarmos 50% já tá de bom tamanho!
      bjão

      Excluir
  16. Oi Erika!

    São super nojentos, cruéis e bizarros esses componentes, ainda bem que só uso produtos veganos.

    ResponderExcluir
  17. Por isso que opto por produtos veganos devidamente identificados e certificados

    #muitotriste

    ResponderExcluir
  18. Isso porque você disse o que vai nos cosméticos. Se as pessoas soubessem que muito mais coisa bizarra estão nos alimentos, elas se tornariam vegetarianas ou veganas. Optei por ser vegetariana, espero estar vegana num futuro próximo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdd Joice!
      E com certeza nos alimentos a coisa é muito pior...
      eu tbm sou vegetariana ;)
      bjkss

      Excluir
  19. Oi Erika esse seu blog é uma benção, tem de tudo que eu gosto e preciso, para ter uma vida mais saudavel e sem participar dessa covardia com os bichinhos, só ta me faltando agora virar vegetariana e vegana pois carne vermelha eu já parei de comer , devagar eu chego lá, bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose!
      Olha, tudo tem seu tempo, viu!
      Não se preocupe... é aos poucos mesmo que a gente vai caminhando.
      Sou vegetariana há 10 anos, mas quero um dia chegar na alimentação vegana!
      bjssss

      Excluir
  20. Erika, eu tenho um creme de hidratação, que todos os compostos dele são naturais, mas tem essa LANOLINA de diferencial, eu não sabia o que era até agora. E vou confessar, ela boa ? porque deixa o aspecto dos meu cabelos ásperos, lembrando que comecei nessa de produtos naturais há 1 mês, e sigo fielmente, porém o único que deixa meu cabelo aspero é este que contêm a LANOLINA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suelen,
      Cada cabelo tem um resultado diferente né? Eu não gosto de lanolina no cabelo, mas tem gente q curte...
      bjssss

      Excluir
  21. Oi Erika. Nossa, existem tantos componentes. Eu não conhecia nem a metade! Alguns, me causaram horror, vontade de chorar... Já outros, como a Lanolina, não achei que fossem tão agressivos, já que é extraído apenas da lã da ovelha. E eu vi, que existem essas coisas, em medicamentos... maquiagens, esmaltes. Como fazer pra mudar essa situação? Porque medicamento é uma coisa séria. Maquiagem e outros, podem ser fúteis, mas medicamentos não. Fiquei preocupada!
    Beijooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Josy, a questão é complexa.... eu tento usar tudo o mais natural possível, até mesmo tratamentos médicos, eu opto pela homeopatia ou aromaterapia... mas assim, eu acho que qualquer coisas dessas q a gente consiga excluir ou diminuir, já é lucro.
      bjkssss

      Excluir

Obrigada pela visita! Volte sempre!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Entre para o nosso Clube!

 
Clube do cabelo e cia © 2013. All Rights Reserved. Powered by Blogger
Top