MENOPAUSA E YOGA TERAPIA HORMONAL | Clube do cabelo e cia





Oi amores!

Hoje a dica é para as mulheres que estão próximas, ou que já estão na menopausa...

A menopausa é a fase da vida da mulher em que a menstruação cessa.
Enquanto muitas mulheres encontram pouca ou nenhuma dificuldade durante a menopausa, outras suportam desconforto moderado a grave. A menopausa é definida como tendo tido 12 meses consecutivos sem um período menstrual.

Durante a menopausa, o corpo produz menos hormônios femininos, o estrogênio e a progesterona.
Após a menopausa, os níveis hormonais ficam mais baixos. Estas flutuações dos níveis hormonais podem causar sintomas incômodos, tais como ondas de calor (uma súbita sensação de calor, às vezes associado com rubor, e muitas vezes seguido por transpiração) e distúrbios do sono. Às vezes, as mulheres experimentam outros sintomas, tais como secura vaginal e alterações de humor.


Os sintomas da menopausa

Alguns dos sintomas da menopausa podem começar anos antes dos períodos menstruais cessarem.
Os médicos geralmente utilizam o termo "perimenopausa" para se referir ao período de tempo antes de começar a menopausa (quando alguns dos sinais e sintomas da menopausa começam a ocorrer).

Os sintomas da menopausa podem ser percebidos como problemas físicos, distúrbios emocionais ou problemas relacionados com a libido.

Estes sintomas começam gradualmente, enquanto os ovários ainda estão funcionando e a mulher ainda está tendo períodos menstruais. Estes sintomas podem começar próximo aos 40 anos,  e podem persistir por anos, até acontecer a menopausa propriamente dita. Os sintomas ocorrem mais cedo, porque os níveis de hormônios produzidos pelos ovários (estrogênio e progesterona) declinam lentamente ao longo do tempo; isso explica por que a gravidez ainda é possível, apesar de ser menos provável de ocorrer, depois que a mulher atinge seus quarenta anos.

Sintomas:
> Suores noturnos
> Ondas de calor
> Secura vaginal
> Perda da Libido
> Mudanças de humor
> Ansiedade
> Fadiga
> Depressão
> Perda/queda de cabelo
> Distúrbios do Sono
> Irritabilidade
> Dificuldade de concentração
> Síndrome do Pânico
> Lapsos de memória
> Dor nas mamas
> Tontura
> Dores de cabeça
> Ganho de Peso
> Incontinência
> Inchaço
> Alergias
> Unhas quebradiças
> Problemas na gengiva
> Problemas digestivos
> Sensação de choque elétrico na cabeça
> Tensão muscular
> Coceira na pele (devido ao ressecamento da pele)
> Dor nas articulações
> Alterações no odor corporal
> Formigamento nas Extremidades
> Arritmia cardíaca
> Osteoporose

A gravidade e duração dos sintomas variam amplamente de pessoa para pessoa. Algumas mulheres podem apresentar apenas sintomas mínimos durante um ano ou dois, enquanto outras podem ter, pelo menos, alguns dos sintomas durante vários anos.

Enquanto a maioria das mulheres experimentam uma transição gradual para a menopausa com um início lento dos sintomas, outras mulheres podem experimentar uma menopausa precoce (prematura), que pode trazer sintomas imediatos, dependendo da causa da falência ovariana. Uma causa comum de sintomas imediatos é uma "menopausa cirúrgica" (após a remoção cirúrgica de ovários)

Os níveis mais baixos de estrogênio na menopausa, podem levar à perda de massa óssea, que é especialmente rápido nos primeiros cinco anos após a menopausa. Alguma perda óssea em homens e mulheres é normal com a idade. A falta de estrogênio após a menopausa adiciona outra tensão sobre os ossos, além da perda óssea relacionada com a idade habitual. Quando a perda óssea é grave, uma doença chamada osteoporose enfraquece os ossos e os torna suscetíveis à quebra.

A terapia hormonal

O termo "terapia hormonal" ou "TH" está sendo usado para substituir a terminologia "terapia de reposição hormonal", já desatualizado ou "TRH".

A terapia hormonal (TH) refere-se a um  tratamento de reposição e combinação de hormônios (estrogênio / progesterona)
A Terapia com estrogênio é o medicamento de prescrição mais altamente eficaz para o tratamento de sintomas da menopausa, e de acordo com recentes pesquisas, ainda é seguro e eficaz para muitas mulheres, quando utilizado por menos de cinco anos.
Esta terapia com estrogênio, reduz e até elimina vários sintomas da menopausa, como ondas de calor, insônia, ondas de calor, e secura vaginal.

Porém, o uso da terapia de estrogênio, sem progesterona, está associado com um aumento no risco de câncer uterino (do revestimento do útero).

Já o tratamento com progesterona + estrogênio reduz substancialmente o risco de câncer uterino, de modo que o risco de desenvolver este câncer é equivalente ao das mulheres que não fazem a terapia hormonal.
Portanto, usuárias da terapia hormonal oral (TH)  por mais de cinco anos, estão em risco ligeiramente maior de câncer de mama , doença cardíaca e acidente vascular cerebral do que as não usuárias.

Contudo, existem outros meios não-hormonais, seguros e eficazes para solucionar os problemas da mulher na menopausa, como a Yoga Terapia Hormonal.

Yoga Terapia Hormonal:

Yoga Terapia Hormonal funciona como uma alternativa natural à terapia de reposição hormonal, para aliviar e, em alguns casos, eliminar os sintomas da menopausa.
Através de técnicas de respiração, posturas de yoga e controle do fluxo de energia em canais específicos do corpo,  a YTH trabalha diretamente nas glândulas alvo, reativando a produção de hormônios.

Isso resulta, na eliminação da maioria dos sintomas da menopausa, sendo restaurado o equilíbrio hormonal. YTH também ajuda na prevenção de osteoporose e de doenças cardiovasculares; aumentando a força muscular e óssea, e melhorando a postura e a  flexibilidade.
Utilizando recursos naturais do corpo, a YTH também ajuda na cura de ovários policísticos, infertilidade, e a manter o corpo em forma e flexível.


A Yoga Terapia Hormonal foi criada por Dinah Rodrigues (filósofa, psicóloga e discípula de Swami Sarvananda), que por ter tido dificuldades em sua própria menopausa, pesquisou os problemas hormonais das mulheres durante anos.

Pesquisa e resultados científicos:

Em 1993, os resultados obtidos pelos alunos de Dinah foram bastante favoráveis. Ela decidiu realizar uma pesquisa científica sobre os efeitos da prática da terapia yoga sobre o nível de estradiol e os sintomas da menopausa: ondas de calor, secura uro-genital, instabilidade emocional, insônia, cansaço, depressão, enxaqueca, infertilidade e perda de cabelo, entre muitos outros.
Para obter os resultados, ela pediu aos participantes para fazer um exame de sangue para determinar os níveis de estradiol, antes de começar a prática, e depois novamente a cada mês por um período de quatro meses. Usou um questionário detalhado para avaliar a intensidade dos sintomas.

Os resultados da pesquisa:
Os resultados foram muito bons: 100% das alunas, durante os três a quatro meses de prática sem medicação. Uns não tinham mais os sintomas, e em outros, a intensidades dos sintomas chegou próximo de zero.

Nível de hormônio:
Houve um aumento médio de 254% no nível de hormônio dentro de um período de quatro meses, com os participantes fazendo 30 minutos de YTH todos os dias.



Alguns exercícios de Yoga Terapia Hormonal:


Dinah Rodrigues:

Formou-se em Filosofia e Psicologia na Faculdade de Filosofia Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, Brasil. Especializou-se em Yoga Terapia com Swami Sarvananda.
Membro integrante da IYTA Internacional de Yoga Teachers Association.
Desde 1993, apresentando seminários e workshops no Brasil e desde 2002 na Alemanha.
Publicou o livro Yoga Terapia Hormonal  para Menopausa, emitido em 1998 a Bienal do Livro Show, em São Paulo e agora em sua terceira edição. Foi publicado em espanhol, alemão, francês, polonês e Inglês.


"Tendo estudado seriamente vários ramos de yoga por muitos anos, eu estendi meus estudos de fisiologia e da psicologia. Eu também comecei a praticar Chi Kung (técnica energética chinesa) e me especializei com Swami Sivananda em Khalsa yoga. Eu sintetizei este conhecimento com técnicas de todos os ramos diferentes de yoga para desenvolver a Yoga Terapia Hormonal ".


Dinah explica que as mulheres também devem manter um equilíbrio de exercício adequado, alimentação e descanso. "... "Devemos cuidar de nós mesmos, corpo, mente e alma para ficarmos equilibradas e positivas durante este período de mudanças", diz ela.


Fica a dica!


Postar um comentário

  1. Uau! Era tudo o que eu estava precisando! Estou nessa fase e, relamente, ninguém merece! Estou tentando fitoterapia, homeopatia e tudo o que aparece (hormônios, nem pensar, com meu histórico familiar)
    Kerida, gostaria de poder praticar esses exercícios, o que vc me indica? Será que se eu adquirir o livro, consigo praticá-los sozinha?
    Obrigada. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vaninha!
      Somos duas nesta fase! \0/
      Claro que vc consegue praticar seguindo o livro.. não há mistérios. E acho que vc encontra vídeos dela no youtube tbm... dê uma procurada!
      Diquinha: óleo essencial de gerânio é ótimo para essa nossa fase! ;)
      bjksss

      Excluir
  2. Valeu por mais essa dica, kerida!
    E viva nós, mulheres no clima ... tério rsrsrsrsr
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkk eu tô no cilma..... kkkkkkkkkkkkkk
      bjãooo

      Excluir

Obrigada pela visita! Volte sempre!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Entre para o nosso Clube!

 
Clube do cabelo e cia © 2013. All Rights Reserved. Powered by Blogger
Top