YOGA: MODALIDADES PARA TODOS OS GOSTOS | Clube do cabelo e cia



Oi pessoal!

Hoje eu vou falar sobre as modalidades de Yoga... São muitos estilos diferentes de yoga que existem aqui no ocidente, que foram derivados de vários mestres e tradições, porém todos são originados da Hatha Yoga. 

 Embora compartilhem da mesma origem, estes estilos demonstram grandes diferenças na prática, como:
- Intensidade física da prática;
- Tempo de permanência na postura;
- Ênfase dada à respiração, meditação, ou mantras.

Para aqueles que pretendem iniciar, é importante descobrir qual tipo de Yoga, é o mais adequado à sua personalidade. 


Vamos então conhecer alguns dos tipos mais comuns e populares de Yoga:


Hatha
Para quem está iniciando a prática, a Hatha pode ser o caminho ideal. Com movimentos lentos e suaves, e trabalhando bastante a respiração, é uma modalidade ótima para quem procura por uma atividade mais relaxante.



Ashtanga
Esta modalidade, é uma das mais rápidas e intensas entre as tradicionais. Ashtanga requer constante movimento e é fisicamente exigente.
Este tipo de yoga pode ser a melhor opção para o atletas ou pessoas que estão acostumadas a praticar esportes.
  A aula de Ashtanga é composta por uma sequência de ásanas realizada sempre da mesma forma, onde o principal objetivo é manter o fluxo de movimento. O praticante pode levar anos até conseguir realizar a série inteira de ásanas (posturas) corretamente, pois ela demanda bastante esforço físico.





Bikram
Também conhecida como “hot yoga”, esta modalidade começou em Los Angeles na década de 1970 por Bikram Choudhury. Caracteriza-se por práticas realizadas em ambientes aquecidos (podendo chegar até 40º), o que permite que os músculos mais tensos se relaxem  (facilitando o alongamento), e com  muito suor, o que ajudaria na eliminação de água do corpo. A série principal de Bikram é composta por apenas 26 ásanas, facilitando a sua prática para os iniciantes.




Iyengar
Esta modalidade se baseia nos ensinamentos do mestre B. K. S. Iyenfar, que foca boa parte de seu trabalho no alinhamento do corpo durante os ásanas. 
Na prática Iyengar, existe uma forte preocupação com o posicionamento de cada parte do corpo, para obter o máximo da postura, com um tempo de permanência longo em cada ásana. Tempo este maior do que nas outras modalidades. Este método utiliza implementos que ajudam na execução correta das posturas, como cordas, faixas, blocos, cadeiras, etc. É uma boa modalidade para iniciantes.





Power Yoga
Derivada do Ashtanga, esta pode ser considerada uma versão “ocidental” da prática. O termo  Power Yoga entrou em uso em meados de 1990, numa tentativa de fazer apresentar uma Ashtanga mais acessível aos estudantes ocidentais; no entanto, ao contrário da Ashtanga,  a Power Yoga não segue uma sequências de posturas, podendo as aulas variarem  muito. Ela preserva um pouco da intensidade da Ashtanga, só que insere outros ásanas, e evita trabalhar com séries fixas. Pode haver também, elementos do Iyengar, principalmente na preocupação com o alinhamento das poses. Em alguns casos, é mais fácil começar pela Power Yoga, para haver mais flexibilidade e adequação da série ao nível do praticante, para depois se aventurar pelo Ashtanga.





Sahaja Yoga
É um sistema focado apenas na meditação.
O sistema foi desenvolvido pela guru indiana Shri Mataji Nirmala Devi.
A prática consiste em 15 minutos diários de meditação pela manhã e à noite, seguidos da aplicação de técnicas para limpeza dos chakras.
O objetivo é despertar o poder da Kundalini. Os praticantes constatam, em curto prazo, a diminuição dos conflitos internos.






Kundalini Yoga
Kundalini yoga é um estilo de yoga física e meditativa, que utiliza principalmente exercícios de respiração e meditação. Os exercícios físicos da Kundalini Yoga são conhecidos como Kriya, e tem seu foco na coluna vertebral.




Kriya Yoga
Paramahansa Yogananda popularizou o Kriya para o público em geral através do livro Autobiografia de um Iogue. O sistema consiste em técnicas yóguicas que aceleram o desenvolvimento espiritual e ajudam a alcançar um profundo estado de tranquilidade e comunicação com o próprio Eu Superior.




Ashtanga Vinyasa
Se você é uma pessoa que gosta de movimento, e de estar sempre fazendo coisas diferentes, então este é  o tipo certo de yoga para você.
Este estilo de yoga é caracterizado pelo esforço na concentração no vinyasa, ou seja, uma dinâmica sequencial de posturas associada com a respiração e que cria uma coreografia entre as mais tradicionais posturas de yoga. A "coreografia" vinyasa é uma variante de Surya Namaskara, a Saudação ao Sol. Toda a prática é definida por seis específicas séries de posturas, sempre feito na mesma ordem, combinadas com padrões respiratórios específicos.

Há seis séries completas. Cada seqüência começa com 10 saudações ao sol e posições em pé. Isto é chamdo de "seqüência de abertura". O aluno então se pratica a sequência Primária, Intermediário ou Avançado A, B, C ou D, dependendo do seu nível de perícia, finalmente termina com um conjunto de posturas invertidas, chamadas de "seqüência final".





Swásthya Yôga
É a sistematização do yoga antigo feita pelo brasileiro DeRose, escritor e mestre de yoga, realizada na década de 60. O Método DeRose é ensinado principalmente no Brasil, Portugal e Argentina.
 É muito conhecido pela execução das técnicas corporais feitas em forma de coreografia, embora isto represente apenas uma parte do universo desta linha.


Sivananda Yoga
A aula de Sivananda Yoga é executada com posturas dinâmicas e estáticas, exercícios de respiração, relaxamento, repetição de mantras, meditação, e conceitos da filosofia Vedanta.



Viniyoga
Mais do que um estilo, é uma metodologia para desenvolver práticas para condições e objetivos individuais. Integra cuidadosamente o fluxo da respiração com o movimento da espinha dorsal.

Sequências, adaptações e intensidade dependem do contexto e objetivos. A função tem prioridade sobre a forma. A prática deve incluir pranayama (técnicas respiratórias), meditação, reflexão, estudo e outros elementos clássicos.



Yoga Clássico
Estilo desenvolvido pelo professor brasileiro Cláudio Duarte. 
Yóga Clássico é o caminho prático e natural para a integração e harmonia da nossa essência interior com o mundo exterior e o próprio Universo. Esse caminho prático ocorre através de uma sequência de exercícios simples, que incluem relaxamento, exercícios físicos e respiratórios, memorização, concentração e meditação.



Yoga Integrado
Estilo desenvolvido pela brasileira Márcia De Luca, fundadora do Ciyma.
Combina técnicas milenares de várias escolas de Yoga e princípios básicos de Ayurveda, a tradicional medicina indiana.
O objetivo é otimizar a prática e oferecer ao praticante um desenvolvimento que trabalhe igualmente a introspecção e o movimento.
Utiliza ásanas (posições e exercícios físicos), pranayamas (técnicas respiratórias), exercícios de concentração e visualização e meditação.


Acro Yoga
Acro Yoga é uma prática que integra os conceitos do Yoga com elementos da Acrobacia e da Massagem Thai. Estas três linhagens formam a base deste estilo de Yoga que cultiva a confiança, conexão, entrega, equilíbrio e diversão entre os praticantes.
A prática requer no mínimo dois praticantes. Iniciantes e aqueles que estão tentando fazer as posturas pela primeira vez geralmente usam uma terceira pessoa que serve de apoio para garantir a segurança.
Embora a origem do termo Acro Yoga não ser clara, foi usada informalmente a partir dos anos 90 por alguns grupos nos Estados Unidos e Canadá.





Como vocês viram, há modalidades de Yoga para todos os gostos!! Os ásanas são os mesmos em todos os estilos, só modificando a maneira de praticá-los. Então, agora que você já conhece alguns dos estilos, já pode escolher aquele que você mais se adéqua, e começar a praticar!




(OBS: Apesar do nome do meu grupo ser "Sahaja- Grupo de Yoga", nada tem a ver com esse estilo. Escolhi este nome sânscrito, porquê ele quer dizer "natural", "espontâneo", e achei um nome forte e bonito. O estilo que uso em minhas aulas é o Power Yoga).


Postar um comentário

  1. Nossa é verdade, são muitos, impossível não ter um que se encaixe no estilo...acho que o único que não faria é o acro, pq me vejo caindo lá de cima...nos demais vi vantagens e desvantagens, mas se tivesse que escolher seria o ashtanga ou o power yoga, bem a ver comigo né?

    kkkkk

    beijoooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nilha, com certeza!! Vc é a cara da ashtanga/power Yoga!!
      heheh
      bjsss

      Excluir
  2. Olá,

    Realmente Ioga traz muitos benefícios à saúde emocional e física!
    E sem dúvidas é algo que a gente deve fazer pra ter tempo e não algo que devemos ter tempo pra fazer!

    Beijos da Anne
    www.bloganneoliveira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anne, exatamente!
      O nosso tempo, é a gente mesma que faz, não é mesmo?
      bjsss

      Excluir

Obrigada pela visita! Volte sempre!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Entre para o nosso Clube!

 
Clube do cabelo e cia © 2013. All Rights Reserved. Powered by Blogger
Top